Câmara vota projeto que acaba com 14º e 15º salários

O projeto que acaba com o 14º e o 15º salários dos parlamentares será o primeiro a ser votado após a retomada dos trabalhos legislativos na Câmara dos Deputados. O projeto, aprovado no ano passado pelos senadores, põe fim aos dois salários extras, de R$ 26.723,13, pagos anualmente em dezembro e em fevereiro, para cada parlamentar a título de ajuda de custo. O texto deve entrar na pauta desta quarta-feira, 27.
O projeto enviado pelo Senado mantém os salários extras no início e no fim do mandato, ou seja, duas ajudas de custo no período de quatro anos e não mais a cada ano, como é atualmente.


Informações Estadão

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Seduc apresenta calendário escolar 2018

Escola tecnológica de Santarém realiza Feira Científica

Prefeitura abre inscrições para o V Festival de Música do Tapajós