Postagens

Mostrando postagens de Agosto 19, 2014

Escola Tecnológica de Santarém fica pronta em dezembro

A Escola Tecnológica Profissionalizante de Santarém fica pronta até dezembro deste ano. Com investimentos de R$ 5 milhões, a unidade – construída pelo governo do Estado em parceria com o governo federal, via Programa Brasil Profissionalizado – vai oferecer 1,2 mil vagas.
A obra – que está 80% pronta – é de responsabilidade da Secretaria de Estado de Educação (Seduc).
A escola está localizada no cruzamento das rodovias Everaldo Martins (que liga Santarém a Alter do Chão) e Fernando Guilhon (que liga Santarém ao aeroporto).
Informações da Agência Pará

MPE impugnou mais de 4 mil registros de candidaturas

O Ministério Público Eleitoral (MPE) informou hoje (19) que impugnou 4.115 registros de candidatos às eleições de outubro. Do total, 497 foram com base na Lei da Ficha Limpa, que impede a candidatura de condenados em segunda instância pela Justiça. A Justiça Eleitoral recebeu mais de 25 mil pedidos de candidaturas aos cargos de deputado estadual, federal, senador, governador e presidente da República.
De acordo com o levantamento, a principal causa de impugnação foi a rejeição de contas, também prevista na Lei da Ficha Limpa. O estado com mais impugnações foi São Paulo, com 2.058 candidatos, seguido por Minas Gerais (1.308).
O prazo para que todos os registros de candidaturas sejam julgados pelos juízes eleitorais termina na quinta-feira (21).

População insatisfeita com os serviços de saúde

Os serviços públicos e privados de saúde no Brasil são péssimos, ruins ou regulares para 93% dos eleitores brasileiros. A sensação também é de insatisfação em relação ao Sistema Único de Saúde (SUS), segundo 87% da população. Essa avaliação considerada negativa pelos pesquisadores integra pesquisa inédita realizada pelo Instituto Datafolha a pedido do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Paulista de Medicina (APM). Estas e outras informações foram divulgadas nesta terça-feira (19), durante coletiva à imprensa, em Brasília.
Leia na íntegra

Proposta aumenta repasse da União ao Fundeb

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 7029/13, que aumenta o valor da complementação da União ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Atualmente, a Lei 11.494/07 estabelece o valor dessa complementação em 10% do total dos recursos do fundo (o restante é composto por verbas dos estados, do Distrito Federal e dos municípios). O projeto aumenta esse valor para 50%.

O autor do projeto é o deputado Alessandro Molon (PT-RJ).

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Educação; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Informações da Agência Câmara