Postagens

Mostrando postagens de Agosto 21, 2011

Óbidos: O adeus ao ex-prefeito.

Chegou por volta das 11:00h, no aeroporto municipal procedente da capital do estado o corpo do ex-prefeito José Mario de Souza. Centenas de populares prestaram homenagens ao ex-prefeito, uma imensa passeata acompanhou o cortejo fúnebre que por onde passou era saudado por populares o que demonstrou o quanto José Mário era querido em Óbidos. Após o cortejo pelas ruas de Óbidos, o corpo de José Mário seguiu para o plenário da câmara municipal de Óbidos, onde em nome do poder Legislativo Municipal, o vereador José Barbosa, homenageou com o título de cidadão obidense, ainda no plenário da câmara, autoridades políticas lembraram da importância e dos trabalhos que José Mário realizou para o desenvolvimento de Óbidos quando administrou o município. As palavras do prefeito Jaime Silva foram de conforto aos familiares que o acompanhavam no velório, o prefeito falou ainda que foi José Mario quem deu oportunidade para se tornar hoje o prefeito de Óbidos, quando o convidou para ser o secretário d…

São Raimundo empata em casa.

Imagem
São Raimundo e Independente empataram por 1 a 1, em jogo válido pela sexta rodada do Grupo 2 da competição. Aldivan abriu o placar para o São Raimundo aos 9min do primeiro tempo e Lima igualou o marcador aos 15min da etapa final para o Independente. Ambos os times estão com cinco pontos, empatados nas duas últimas colocações do grupo.
Terra

Marcha do NÃO.

Imagem
[caption id="attachment_7832" align="alignleft" width="410" caption="(Foto: Rogério Uchoa)"][/caption]
As cores vermelho e branco, que representam a bandeira do Estado do Pará, estiveram em evidência, nos rostos pintados dos estudantes, nas camisas dos professores e nas bandeirinhas que erguiam as 3 mil pessoas que participaram da primeira marcha popular contra a divisão do Pará. O manifesto ocorreu em Belém na manhã de hoje (21), com saída da Escadinha da Estação das Docas, seguindo pela avenida Presidente Vargas, Praça da República, avenida Serzedêlo Corrêa até a praça Batista Campos.
O evento foi organizado pelo estudante Lucas Nogueira, que contou com o apoio do professor e político Augusto Pantoja. A mobilização para a marcha foi feita por meio das redes sociais: Facebook, Twitter, Blog.
Com o tema 'Eles não querem o nosso bem, mas os nossos bens', participaram da caminhada: estudantes, políticos e cidadãos que estão na lut…

Bazar Brasileiro sai do estúdio pela primeira vez.

Imagem
O programa Bazar Brasileiro, pela primeira vez desde sua criação em 1985, sai do estúdio da Rádio Rural de Santarém e vai para o meio do povo, no encerramento da Feira da Cultura Popular de Santarém e do Festival Folclórico de Santarém. O evento começou na terça-feira (16/08) e se encerra neste domingo (21/08).
Jota Ninos, apresentador do programa, juntamente com o jornalista Júlio César Guimarães Antunes, farão entrevistas no local com lideranças comunitárias e autoridades, dando ênfase à cultura popular.
O "balcão do bazar" será montado no estande da Ascom da Feira, uma barraca rústica igual a todas as outras que fazem parte do mesmo espaço.
O Bazar Brasileiro é um programa cultural que divulga MPB e música regional, com notícias sobre cultura, política e variedades, inclusive com entrevistas ao vivo no estúdio. Foi criado pelos jornalistas Jota Ninos e Dornélio Silva em 1985, tendo sido apresentado pela dupla até 1988, quando os dois saíram de Santarém. Para não perder o esp…

Santarém: Será racionamento?

Você já contou quantas vezes faltou energia essa semana? Eu sim, e não só em minha casa, mas curiosamente na casa de colegas e amigos de trabalho, parentes e de quem pergunto! Outra curiosidade é que as quedas de energia são sistemáticas, falta energia de 30 minutos a  uma hora sempre em bairros diferentes, de uma maneira bem simples, chega energia em meu bairro, falta no de alguém, daí o questionamento: Será racionamento? O Linhão de Tucuruí só é ligado quando o problema é em toda a rede? Será para a Consecionária  o custo da energia mais cara e por isso só ligam Tucuruí em um apagão geral? E o pior, vamos voltar no tempo, lá para o ano de 1998, quando tinhamos que pegar todos os dias em carros ambulantes aquelas tabelas coloridas de dias e horários das faltas de energia.?
Por E-mail: JVN