Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 3, 2014

Ministério da Saúde libera recursos para municípios

Onze milhões trezentos e oitenta mil reais foram liberados pelo Ministério da Saúde para fortalecer ações de Vigilância Sanitária em cidades de até 50 mil habitantes.

Vão ser beneficiados 495 municípios, de 25 estados, que responderam ao levantamento Perfil da Vigilância Sanitária Municipal no Brasil, entre dezembro de 2012 e julho do ano passado. Cada município vai receber R$ 20 mil, direto no Fundo Municipal de Saúde.

Foram selecionadas para receber o repasse cidades que têm o serviço de Vigilância Sanitária criado por lei municipal e estão em situação regular no sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde.

Os estados também vão receber um repasse de pouco mais de R$ 3 mil para cada município beneficiado.

A lista completa dos municípios que vão receber o dinheiro está no Diário Oficial da União de ontem (03), em www.in.gov.br.
Informações EBC Serviços

Estado começa a pagar o 13º Salário do funcionalismo no dia 15

A partir do dia 15 de dezembro os servidores públicos da administração direta e indireta do Governo do Estado do Pará começam a receber o 13º salário.
A parcela única será paga entre os dias 15 e 19 de dezembro, para 106 mil servidores públicos. Logo na sequência terá início o pagamento do salário referente ao mês de dezembro.

No Leia Mais abaixo, o cronograma de pagamentos.

Cobrança abusiva

Imagem
O vereador Dayan Serique (PPS) usou a tribuna, na manhã desta quarta-feira, para dizer que tem recebido várias denúncias sobre cobranças abusivas do serviço de mototáxis em Santarém.
Para o vereador, se os mototaxistas continuarem com essa ideia de cobrar valores exorbitantes pelas corridas dentro da cidade, não há necessidade de existir o serviço, uma vez que os valores cobrados acabam se comparando ao do serviço de táxi, que aliás são mais seguros e confortáveis.
Conforme Dayan Serique, o serviço de mototáxi foi criado para atender a população e não, apenas, pra criar uma categoria.
O vereador aproveitou para cobrar da Secretaria de Mobilidade e Trânsito (SMT), uma fiscalização mais rigorosa e eficaz, no sentido de proteger os usuários do serviço.

Nubya Pereira - Assessoria Parlamentar