Postagens

Mostrando postagens de Maio 22, 2012

Olimpíada de Língua Portuguesa: Inscrições até o dia 25

Imagem
[caption id="attachment_13676" align="alignleft" width="330" caption="Foto: João Bittar/Arquivo MEC"][/caption]
Secretarias de educação de estados, municípios e Distrito Federal e escolas públicas da rede de educação básica têm prazo até o dia 25 próximo para fazer a inscrição na terceira edição da Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro. O processo de inscrição tem duas etapas. A primeira, de adesão das secretarias; a segunda, das escolas.
A proposta da competição é estimular a leitura e o desenvolvimento da escrita entre estudantes da educação básica pública, que vão desenvolver, em quatro gêneros, o tema O Lugar onde Vivo. Dividida em etapas, a seleção dos trabalhos elaborados pelos estudantes começa na escola, passa por município, estado e região e chega ao âmbito nacional. A premiação compreende entrega de medalhas, obras literárias, microcomputadores e aparelhos de som portáteis, entre outros itens, a 20 estudantes e 20 professore…

Belém: Ensino médio tem índice de reprovação mais alto do país

Dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Institucionais Anísio Teixeira (Inep) mostram que, em 2011, escolas da rede pública de Belém (PA) apresentaram o índice de reprovação mais alto do Brasil. No topo da lista de maior percentual de reprovações em Belém estão a Escola Estadual Professor Acy de Jesus Barros Pereira, com 53,1%, Escola Estadual Manuel de Jesus Moraes, com 53,35%, e a Bosque Escola Professor Eidorfe Moreira, da rede municipal, com 62,5% de reprovação. As informações foram divulgadas na última segunda-feira (14). A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) informa que tem desenvolvido ações para minimizar o problema da reprovação escolar. Entre elas, a ampliação do Programa Ensino Médio Inovador, de 34 para 141 escolas, e a implantação do Programa Jovem de Futuro em 141 escolas.
A secretaria também se compromete, através do Programa Mais Saber, em investir a partir deste ano R$ 120 milhões para a recuperação do espaço físico de 200 escolas, além da criação de 10…

Relatório da CGU informa que 162 servidores federais foram expulsos este ano

De janeiro a abril deste ano, 162 servidores federais foram expulsos informa relatório mensal da CGU (Controladoria-Geral da União). Este é o maior número de punições desde 2007.
De acordo com a CGU, 138 funcionários foram demitidos, 18 tiveram o cargo destituído e 6 foram cassados. Desde o início do governo Lula, em 2003, foram 3695 servidores expulsos. Só em abril deste ano, aconteceram 42 expulsões no governo federal, o maior número para este mês desde 2003, quando os dados começaram a ser contabilizados.
O Rio de Janeiro foi o Estado com o maior número de punidos com 26 expulsões, seguido por Distrito Federal e São Paulo, com 18 cada.
No acumulado desde 2007, o Rio também está em primeiro no ranking da punição com 443 expulsões. Isso acontece porque o Estado ainda tem um grande número de servidores federais.
Fonte: FOLHA

Cachoeira será ouvido pela CPI

Imagem
[caption id="attachment_13667" align="alignleft" width="96" caption="Foto: VEJA"][/caption]
O ministro Celso de Mello autorizou o depoimento de Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira (foto), à CPI mista que investiga as relações do contraventor com políticos, autoridades e empresários.
Com isso, fica mantida a previsão de que Cachoeira seja ouvido pelos parlamentares na audiência marcada para a tarde desta terça (22) na comissão. A advogada Dora Cavalcanti, que atua na defesa do bicheiro, informou que ele será orientado a permanecer calado, sem responder às perguntas dos integrantes da CPI.
Informações G1