Postagens

Mostrando postagens de Setembro 1, 2014

Advogado desiste de defender torcedora

Após afirmar que defenderia a jovem flagrada ao gritar "macaco" para o goleiro Aranha, do Santos, no jogo pela Copa do Brasil em Porto Alegre, o advogado Guilherme Rodrigues Abrão voltou atrás e não vai mais ficar com o caso.
A família de Patrícia Moreira, de 22 anos, diz que Abrão ligou para dizer que não poderia pegar o caso.

Após o episódio, a jovem recebeu ameaças ao longo do fim de semana, inclusive de estupro, e teve todos os seus dados expostos na internet. A família também não foi poupada. Uma prima de 14 anos não pode ir à escola. Após o incidente, sua mãe passou mal.

As informações são do G1

VII Salão do Livro movimentou R$ 2,2 milhões

Imagem
Cerca de 110 mil pessoas, segundo coordenadores do VII Salão do livro do Baixo Amazonas, compareceram no evento.

A 7ª edição do Salão do Livro contou com 46 estandes, sendo 29 do estado do Pará e 17 de outros estados, e movimentou R$ 2,2 milhões.



Debate com candidatos do PA

O Fórum das Entidades Representativas da Sociedade Civil Organizada do Oeste do Pará realiza uma série de debates com candidatos eleitorais ao cargo de deputados estaduais, federais, senadores e governador do estado do Pará.
Os debates acontecerão durante o mês de setembro.
Hoje (01), às 19 horas, acontece o primeiro debate com 11 candidatos a deputados estaduais, na sede da Associação Comercial e Empresarial de Santarém (ACES).
A proposta é fazer com que os candidatos firmem compromisso de trabalhar em defesa de Santarém e região, caso eleitos, além de conhecer a proposta de campanha de cada um.
Debates:

01/09/14 – Deputados Estaduais - na ACES

02/09/14 – Deputados Federais e Senadores - na Câmara de Diretores Lojistas de Santarém (CDL);

15/09/14 – Governador - na Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção de Santarém (OAB);

16/09/14 – Governador- na ACES
ACES

Comissão da verdade no PA será instalada hoje (1º)

Uma cerimônia no Espaço São José Liberto, em Belém, vai instalar oficialmente hoje,1º,a comissão estadual de investigação a casos de tortura, morte e desaparecimentos durante o regime militar no Pará, a Comissão da Verdade.
O principal objetivo dessa comissão é investigar os fatos que ainda estão escondidos sobre o período sombrio do regime militar aqui no Estado e fazer uma reparação às vítimas desses crimes, resgatando o sagrado direito à memória de todos os mortos e desparecidos desse período.