Postagens

Mostrando postagens de Julho 11, 2012

Feira de produtos orgânicos em Santarém

Santarém recebe sábado (14), das 7 horas ao meio-dia, na praça São Sebastião, a segunda edição da Feira de Produção Orgânica. Frutas, verduras, hortaliças e artesanato serão colocados à disposição do público para a comercialização com preços equivalentes aos praticados nas feiras e supermercados da cidade, mas com o diferencial da produção totalmente orgânica e com produtos frescos adquiridos diretamente do produtor rural.
A expectativa da organização do evento, organizado pela Emater e outras 17 entidades que compõem a comissão de orgânicos do Baixo Amazonas, é que a feira ocorra quinzenalmente. No espaço, será comercializada a produção de 26 agricultores familiares. O grupo iniciou o processo de formação da Organização de Controle Social (OCS), que vai permitir a venda direta dos produtos do produtor para o consumidor.
AP

Demóstenes tem mandato cassado

Imagem
[caption id="attachment_14712" align="alignleft" width="134"] Demóstenes Torres[/caption]
O senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) teve nesta quinta-feira (11) o mandato cassado por 56 votos a favor, 19 contra e 5 abstenções.
Ele se tornou o segundo parlamentar, em 188 anos de história, a ser excluído da Casa pelos próprios colegas.
Até hoje o Senado só havia cassado o mandato de Luiz Estevão (DF), em 2000, no escândalo de desvio de recursos das obras do Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo.
Demóstenes foi flagrado em escutas pela Polícia Federal em situações que sugerem o uso do cargo em benefício do suposto esquema criminoso comandado por Carlinhos Cachoeira.
O ex-líder do DEM ficará inelegível até 2027 (oito após o término da legislatura para o qual foi eleito), quando terá 66 anos.
Com informações da Folha

Prefeita de Santarém será julgada pelo TRE

Imagem
[caption id="attachment_14699" align="alignleft" width="106"] Maria do Carmo[/caption]
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE/PA)julgará amanhã, quinta-feira, o processo de pedido de cassação do mandato da prefeita de Santarém, Maria do Carmo Martins (PT), acusada de abuso de poder político, de autoridade e compra de votos pela coligação adversária, liderada pelo DEM, na campanha eleitoral de 2008, quando ela foi reeleita.
Maria do Carmo foi acusada de distribuir lotes urbanos durante o período eleitoral, de doação de cestas básicas aos catraieiros – que fazem a travessia de visitantes em barquinhos para a praia de Alter-do-Chão-, além de demissão de servidor em período vedado pela legislação eleitoral e de propaganda eleitoral disfarçada de institucional.
Informações DOL