Postagens

Mostrando postagens de Maio 15, 2012

Bahia vai testar chuva artificial no semiárido

O estado da Bahia vai testar um projeto-piloto com objetivo de produzir chuva artificial em áreas em que não há registro de precipitações significativas há pelo menos oito meses. O modelo que será testado no semiárido já é utilizado em outros Estados e utiliza aviões para bombardear as nuvens e induzir as chuvas. Os primeiros testes devem ser feitos a partir da próxima semana. “É um projeto natural, sem utilização de produto químico e aprovado pela ONU. Através de radar e satélite, que vê as nuvens com potencial de precipitação, um avião decola com dois pulverizadores, que jogam gotículas de água. Elas batem no vapor da nuvem e fazem peso. Com isso, a gravidade faz a água cair”, explicou o secretário de Agricultura da Bahia, Eduardo Sales. Já são  mais de 230 municípios que decretaram situação de emergência pela falta de chuvas desde o final de 2011. A seca já está sendo considerada a pior em 47 anos.
Informações:UOL

Cametá pode desistir de participar da série D

O Cametá pode desistir de disputar o Campeonato Brasileiro da Série D. Com isso abre-se a oportunidade para que o Clube do Remo assuma a vaga paraense no torneio. O clube  deve emitir um comunicado à CBF e à Federação Paraense de Futebol (FPF) confirmando a desistência. A principal justificativa para a desistência é que o  time não teria condições financeiras de manter o funcionamento da equipe.
Informações: DOL

Lei de acesso à informação entra em vigor amanhã

Passa a vigorar em todo o Brasil, nesta quarta-feira, 16, a Lei nº 12.527, instituída em 18 de novembro do ano passado, conhecida como a Lei de Acesso à Informação Pública. Considerada um marco no regime democrático brasileiro, a lei estabelece que qualquer cidadão poderá solicitar acesso às informações públicas - aquelas não classificadas como sigilosas, conforme procedimento que observará regras, prazos, instrumentos de controle e recursos previstos.
O acesso a informações públicas será assegurado por meio da criação de Serviço de Informação ao Cidadão (SIC) nos órgãos e entidades do Poder Público, em local com condições apropriadas para atender e orientar o público quanto a esse instrumento; informar sobre a tramitação de documentos nas suas respectivas unidades; protocolizar documentos e requerimentos de acesso a informações.

Acusados de assassinato no santarenzinho são presos

Imagem
[caption id="attachment_13568" align="alignleft" width="242" caption="Jerry da Silva e Lafayete Maia"][/caption]
Lafayete Maia Pereira de 18 anos e Jerry da Silva Sanches de 19 anos foram presos acusados de estarem envolvido no assassinato de Jonathas da Silva Patrício de 31 anos ocorrido no dia 7 de maio no bairro Santarenzinho. O corpo de Jonathas foi encontrado próximo a um igarapé, às margens da avenida Fernando Guilhon perfurado com golpes de gargalo de garrafa e em decomposição. A polícia concluiu que os dois são os autores do assassinato após uma investigação que inclui provas como a sandália de Jerry encontrada no local do crime e depoimentos de testemunhas que disseram ter visto os acusados e vítimas em um bar.
Informações: No Tapajós

Programa "Minha casa minha vida" impulsiona o PAC

Os gastos do governo com o Minha Casa Minha Vida, programa habitacional voltado para a população de baixa renda, somaram R$ 7,07 bilhões de janeiro a abril deste ano, um crescimento de 273% sobre o mesmo período do ano passado (R$ 1,89 bilhão), de acordo com números do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.
O valor gasto nos quatro primeiros meses deste ano também equivale a cerca de 92% das despesas realizadas em todo ano de 2011 – que foram de R$ 7,7 bilhões. Também representa 65% de todas as despesas do programa entre 2007, quando teve início, e dezembro de 2011 (R$ 10,88 bilhões).
Para todo este ano, o orçamento do programa habitacional Minha Casa Minha Vida é de R$ 11,08 bilhões. Entretanto, segundo informou a Secretaria do Tesouro Nacional, as despesas podem chegar a até R$ 24 bilhões em 2012 – que é o valor dos restos a pagar de 2011 (R$ 12,9 bilhões), mais os recursos aprovados para este ano (R$ 11,08 bilhões).

Programa de Aceleração do Crescimento
Impulsionadas justament…