Postagens

Mostrando postagens de Novembro 15, 2011

Brasileirão 2011: A disputa pelo título esquenta

Imagem
De campeonato mais equilibrado da era dos pontos corridos, o Brasileirão 2011 passou a ter apenas dois fortes candidatos ao título. Em uma rodada em que quase todos seus principais adversários foram derrotados, Corinthians e Vasco venceram e aumentaram a vantagem em relação aos demais. Juntos, somam 93% de chances de levantar o caneco, na visão do matemático Tristão Garcia.
- Apertou o funil. Corinthians e Vasco se distanciaram dos adversários, a quatro rodadas do fim. Houve uma polarização nesses dois. Abriram cinco pontos para o terceiro colocado (Fluminense). Estão há mais de uma rodada na frente. Se mantiverem o que vêm fazendo, não serão mais alcançados - analisou o matemático.
Com a vitória sobre o Atlético-PR, o Corinthians viu suas chances aumentarem de 41% para 50%. De 30%, as possibilidades de título do Vasco saltaram para 43%, após o triunfo por 2 a 0 no clássico contra o Botafogo.
Veja a briga pelo título (chances de conquista)


clique na imagem para ampliar
Fonte: G1

Pará: O penúltimo em matéria de desenvolvimento

Imagem
A recente publicação da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), sobre desenvolvimento federativo, corrói discursos desavisados que qualificam estados como o Piauí, Sergipe e Amapá, como a perfeita tradução do atraso nacional.
Indica-se que os que usam tais argumentos conhecem mais as agruras daqueles estados e muito menos as do próprio domicílio. Talvez achem que o Pará se resume a Belém e adjacências, onde os índices já deixam muito a desejar.
Em termos de desenvolvimento, o Pará amarga o 26° lugar, seguido por Alagoas, em 27°. Se Alagoas agregar 0,0034 pontos, nos passará.
Os estados do Tocantins e Mato Grosso do Sul, que se emanciparam de Goiás e Mato Grosso, deixam o Pará longe: Tocantins é o 15° estado mais desenvolvido do Brasil, Goiás é o 9°; Mato Grosso do Sul é o 10° estado mais desenvolvido do Brasil e Mato Grosso é o 11°.

Tenho ouvido o discurso maniqueísta de que os políticos do Sul e Oeste do Pará são malsinados interesseiros, cujas tulhas, que receberã…